sábado, 19 de Abril de 2008

Vitamina B3 (Vitamina PP)

A vitamina B3, também conhecida por vitamina PP, niacina ou ácido nicotínico, que se encontra nas carnes magras e aves, no peixe, no fígado, nos frutos secos oleaginosos (amendoins, amêndoas, caju…) e nos cereais enriquecidos, pode ser formada a partir do triptofano na presença da vitamina B6. Assim o leite, o queijo e os ovos, apesar de serem pobres em vitamina B3, ajudam a evitar a deficiência desta vitamina, devido ao seu elevado conteúdo de triptofano.


A principal função da vitamina B3 é intervir na libertação da energia contida nos alimentos necessária para o funcionamento do organismo.
Esta contribui para a revitalização da pele, para o bom funcionamento do aparelho digestivo, sendo necessária para a manutenção do sistema nervoso, auxiliando na formação de neurotransmissores.
Alguns estudos demonstraram que é bastante eficaz na redução do colesterol. Reduz os triglicerídios e diminui o nível de colesterol LDL (“mau”), aumentando o nível de colesterol HDL (“bom”).
Estimula a circulação e reduz a pressão sanguínea alta.
Para além disso, actua ainda como desintoxicante, eliminando do corpo toxinas, poluentes, e drogas.

A deficiência desta vitamina, manifesta-se com sintomas de fadiga, fraqueza muscular, perturbações digestivas, alterações cerebrais (depressão, alucinação, ansiedade), lesões dermatológicas, etc… A forma mais grave de carência origina a pelagra (avitaminose), que se manifesta pelo aparecimento de uma cor escura na pele (dermatite), que fica seca e áspera, pelo aparecimento de diarreia e alterações mentais (demência).

Notas
. O nome “vitamina PP” faz referência à acção preventiva à Pelagra.
. A vitamina B3 não é sensível ao calor
. É hidrossolúvel
. Segundo o «Food and Nutrition Board» a quantidade diária recomendada é
Crianças: 13mg
Homens: 19mg
Mulheres: 15mg
Grávidas: 17mg
Lactentes: 20mg


1mg niacina = 60mg triptofano

1 comentário:

Anónimo disse...

bom o texto da vitamina b3